CONECTE-SE
  

Podemos dividir em Parcial de Urina ou Exame Qualitativo de Urina (EQU), realizado com urina de amostra isolada, objetivando diagnosticar a presença de doenças do trato urinário como: infecções, inflamações, litíases, diabetes, insuficiência renal aguda e crônica, entre outros.

Cultura de urina ou Urocultura: exame realizado de preferência com o jato médio da primeira urina matinal. Serve para identificar a bactéria causadora da infecção urinária, que é complementado com o Teste de Sensibilidade a Antimicrobianos (TSA), que identificará o antibiótico adequado para tratar a infecção. Por isso este exame não deve ser realizado quando o paciente estiver fazendo uso de antibióticos (com raras exceções).

Podemos ainda dosar vários elementos tanto em urina de amostra isolada, como em urina de 24h, como por exemplo: creatinina, proteínas, fósforo, cálcio, ácido úrico, ácido cítrico, oxalato, sódio, potássio, microalbuminúria, etc.

A Depuração de Creatinina Endógena (DCE) ou Clearance de Creatinina, é um exemplo de exame em que dosamos a creatinina em urina de 24h e no sangue e, juntamente com o peso e altura do paciente, chegamos ao volume urinário que esta sendo filtrado pelos rins por minuto. É um exame bastante solicitado pelos nefrologistas para monitorar o quanto a filtração renal está comprometida.

Assim podemos dizer que examinando a urina, estamos fornecendo ao clínico um vasto relatório, que o leva a um diagnóstico muito preciso das doenças do sistema urinário.